31.7.14

Viver é divertido

Diálogo entre um casal não identificado:

Ela: Oi, Coração!

Ele: Oi, Fígado!

Ela: Fígado??? Não dava pra ser Cérebro, ou um outro órgão mais interessante?

Ele: Não. Fígado é o melhor.

Ela: Por que?

Ele: Você é meu Fígado, porque o Fígado é que faz rir, e assim faz minha vida melhor!

Ela: …

17.7.14

Sol

Não sei, nos útimos cinco dias, quantas vezes (ou se) o sol apareceu. Não vi. Ou melhor, pra mim, foram dias cinzentos e frios, absolutamente sem sol.  O procedimento cirúrgico de sábado foi OK, mas tive complicações no pós-cirúrgico, com reações alérgicas variadas à penicilina e/ou aos antiinflamatórios. Enfim, foi horrível. Mas está passando.

E percebo que está passando, porque já consigo ver o sol. Apesar dos olhos teimarem em ficar fechados, hoje consegui deitar na rede, na varanda, e me permitir o calor gostoso do sol da manhã.

Depois de ler alguns posts aleatórios do blog The Bro Code, e ouvindo um CD antigo de Kris Kristorfenson, fiquei pensando como minha vida é boa.

Tenho um monte de problemas, não nego, e alguns beeeeem grandinhos… mas tenho também um parceiro de vida que me dá suporte (e me suporta, mesmo quando nem eu mesmo me suporto), e me ajuda a levar os problemas, devagarinho, até sua solução.

Em dias como hoje, o bom mesmo é fazer o Jogo do Contente, e pensar no quanto é bom que tudo isso tenha acontecido “nas férias”, isto é, que eu não tenha que me preocupar em repor aulas não dadas por conta de uma pipoca mal mastigada.

Ainda estou naquela de querer ficar só deitada, sem forças pra nada, comendo mal e com a sensação de “morrência”, mas vai passar, tenho certeza. E tenho essa certeza porque posso ver (e sentir) o sol.

9.7.14

De volta pro meu aconchego

Estou com saudades do meu cantinho, aqui. Já há algum tempo, mas hoje, meio sem explicação, senti NECESSIDADE DE ESCREVER.
A vida tem me trazido coisas boas e ruins, numa proporção aceitável. Mas tenho negligenciado coisas que deveriam estar mais acima, na lista de prioridades, tipo escrever no blog, escrever artigos científicos, fotografar "a trabalho" e não somente por prazer...fazer backup dos milhões de fotos que estão somente no meu notebook... Sair pra ver o mundo, tomar sol, voltar pro Pilates...
Mas bem quando estou assim, começo a escrever um post e despenco do alto do Himalaia.
Fraturei um dente há 10 dias, e somente hoje consegui começar a resolver a situeichan, fazendo um procedimento cirúrgico onde estraí o que faltava e fiz um implante de osso, esperando o momento de inserir o novo dente. 
Passei o dia de molho, esperando a dor passar, e agora, depois das primeiras 12 horas, com antibiótico, antiinflamatório e remédio pra dor, acho que vai ficar tudo legal. Se der tudo certo, daqui a 15 dias o Dr. Dentista deve implantar um dente provisório e em seis meses um definitivo. #Oremos.
O dia hoje foi de líquidos e sorvetes, denguinhos de Marido e... Jogo do Brasil. 
Mas dessa parte não vale muito a pena falar, creio que tudo que deveria ter sido dito já foi dito, por uns e outros, pra um lado e pro outro. 
No entanto, quem sabe se eu não reajo a tanta bobagem e colaboro com os meus 20 centavos, em algum momento? Quem viver, verá. Em tempo, sei que estou devendo o post do Padre, da Poeta e da Puta...
Agora vou tentar dormir, porque pela primeira vez discordo de ChicoMeuAmor:

E prefiro ficar com o Antônio:


Boa noite!