4.12.05

Repartir... dividir... compartilhar!

Já agradeci aos amigos que se pronunciaram nos comentários do post de ontem... mas como sei que existem alguns que leem mas não comentam, ou vão comentar lá nos scraps do orkut... resolvi escrever mais, nesse outro post.

Num dos links que recebi, o autor de um texto muito lindo dizia: "PS: Queridos leitores, eu não estou triste. Só o eu-lírico." No meu caso... era eu mesma. E não era aquela tristeza miúda, sem motivo, não. Tinha motivo (talvez um dia eu conte quais foram...) mas tive também quem se mostrasse AMIGO e desse, como já falei no comentário do post anterior, um empurrãozinho na cadeira, pra que caíssemos, e assim eu pude levantar. Não vou dizer nome de ninguém, porque quem foi, sabe, mesmo que não tenha comentado.

E hoje recebi uma mensagem daquelas que não suporto, com desenhos no orkut, e normalmente deleto sem nem ler. Mas como veio de alguém que amo muito e que havia "sumido" da minha página por motivo de viagem, resolvi abrir. E... veio a calhar. vejam só:




"Acordei com raios de sol
Brincando no travesseiro.
Despertei sorrindo,
Com fome de vida...
Sinto que o próprio dia
Espera o alvorecer
Para ser autêntico,
Para ser mais dia...
Sorvo intensamente
Cada dia...
Antes que se torne ontem...
Sem cobrar do amanhã..."
Essa foi a minha visão do amanhecer,
da janela da frente de casa.

A propósito... esse não é necessariamente o post de hoje. Ou talvez se torne, se eu não conseguir escrever outro mais tarde. Anyway... acordei cedo demais, vi o sol nascer... agora vou voltar pra cama... e esperar o sono acabar. Bom dia...

2 comentários:

silvia disse...

beleza!!! que bom que contribui para o seu flog, melhor ainda ainda saber que me AMA, amei de verdade...a xícara vai derramar após uma lágrima, rsrs. Te amo de paixão.

regina disse...

te vi tao pouco, mas sinto um amor e afinidade muito grande. parei agora pra ler tudinho e me emocionei. pena q nao conheci essa pessoa maravilhosa ha mais tempo, mas nao importa. creio q para mim..demorou. mas se sei q foi no tempo de Deus..entao a hora era essa mesma.
tho aprendido a te amar e te admirar, bel. e estarei sempre aqui, para o q vc precisar. beijao, miga