30.3.06

MEU PEQUENO MUNDO...

"O céu não conhece diferença entre domingo pela manhã e quarta-feira à tarde." Li isso hoje, e como fez bem à minha alma! Existem verdades tão simples que chegam a ser absurdamente complexas.

Os problemas do dia-a-dia e os problemas "extraordinários" podem não ter a mesma dimensão, mas levando em conta a
teoria da dor da hora, terminam sendo iguais. E nessa igualdade, doem, preocupam, fazem sofrer, estressam... E parece que Deus se esquece da gente.

Na hora das lágrimas... os olhos ficam literalmente enuveados, e o que era pequeno cresce ao ponto de encher o mundo.

O mundo... o UNIVERSO... toda a criação de um Deus tão grande...

Meu
mundo... meu pequeno mundo, tão pequeno diante do UNIVERSO...

Mas ELE se importa. Meu pequeno mundo tem valor! E posso crer que minhas lágrimas tocam o coração de Deus. Posso esperar o milagre de um Ser tão grande olhar para mim, tão frágil, poeira no universo.
É esse o tipo de verdade simples que se torna absurdamente complexa. E assim, não tem explicação possível. É uma questão de fé.



"Ó Deus da amplidão, do céu e do ar,
Eu O sinto no vento e no mar.
Embora presente em todo lugar,
Surpresa! Estás vivo em mim!
As terras distantes do mundo sem fim
Criaste em Teu grande poder.
Meu pequeno mundo chamou-te a atenção,
Nem mesmo posso entender.
Milagres sei que acontecem a alguém como eu
No instante que ousamos crer em Deus
Pois somos o alvo do Seu grande amor
Amor que levou Cristo a morrer na cruz.

Podem estrelas cair, o sol se apagar
Todo esse universo passar,
Mas nada vai mudar a promessa que me fez,
Jesus em meu ser vai ficar!
Meu Pequeno Mundo - Sérgio Pimenta & Guilherme Kerr

Essa canção foi "trilha" da minha adolescência... e voltou a tocar essa semana.


Nenhum comentário: