21.3.08

Dia de Clássicos Republicados

Esse texto foi escrito em agosto de 2007... e é a mais pura verdade, hoje. Ele e todos os seus links. Continuo a mesma, a mesmíssima. Então... lá vai ele de novo.

Ontem, não sei por conta de quê, passei um tempão relendo coisas que escrevi aqui. Deu vontade de republicar algumas... no que Line chama de "dia de clássicos republicados"... mas depois tive outra idéia. Acho que os textos onde falo de mim são dos melhores que escrevo. Dizem muito não apenas de mim, mas do momento em que estou vivendo. Desejei então fazer uma compilação só deles, e acrescentar explicações sobre o que vivia enquanto os escrevi. E publicar em papel, mesmo.

Tá, podem completar: "sonha, Marcelino!" Mas hoje estava conversando com Cacau, no salão, sobre meus sonhos e projetos de vida... que quero ainda ter uma livraria, mas não uma livraria somente pra vender livros e pronto. Quero um espaço cultural, onde as pessoas cheguem e desejem ficar. Lendo, conversando, comendo (algo precisa render dinheiro, né?), um espaço para lançamentos de livros, de cultura alternativa, palestras, mini-cursos, entretenimento para crianças, um clube de leitura... aaaaahhhh, eu sonho, sim.

E no meio desse sonho está publicar meus escritos. Ainda que não seja pra tirar daí meu sustento, não me arvoro a tanto... mas acho que especialmente esses textos de autoconhecimento podem despertar nos outros o desejo de se analisarem em termos práticos, como situações que "eu já..." ou mudanças em mim, desejos no dia dos namorados, confissões várias, minha relação com as fases da lua, o que os amigos pensam de mim, minha experiência com uma doença grave e como me comportei depois disso, listinhas como o "dez vezes sete", "De A a Z" , "Eu gosto" ou respondendo com músicas, e até minhas observações sobre a enxaqueca. Um dos textos que mais gosto é "Eu e Drummond", onde roubo trechos de poemas pra falar de mim.

Enfim... leiam aí, e me digam se vale à pena continuar sonhando com uma publicação básica de textos como esses.Essa sou eu... sonhando acordada.

Nenhum comentário: