11.8.08

Cara nova - COM UPDATE

Está só um pouquinho diferente. (Que nem quando corto o cabelo "pra mudar a cara" e Line diz que eu fico sempre igual). É que a Intense reclamou que tinha algo errado com o tamanho da fonte, dos links e dos espaços, eu fui mexer, e acabei fazendo m*. O jeito foi mudar o template pra ver se as coisas voltavam ao lugar, e nem sei se voltaram. Mas isso é só um prenúncio do que virá. Estou cansada da mesmice disso aqui.

[Nada disso!!! Já está do jeito que vai ficar! Deu um trabalho filadamãe, até chegar nisso aqui. Eu já estava esquecida de como cansa mexer com html. Catei este template num link oferecido pela Juliana, (muito obrigada pela dica do Dicas Blogger!) e pedi a Line pra retirar o quadriculado do "papel", porque ficava difícil de ler. Daí até ajustar o título do blog, o tamanho da imagem e mais todas essas frescurinhas da sidebar... foi a tarde inteira. E eu gostei do resultado. Bem diferente de tudo que já "aconteceu" por aqui, dá pra descansar um pouquinho. Até quando? Quem sabe?]

Sabem como é... a vida muda, dá vontade de mudar tudo, inclusive a cara do blog.

Falar em "a vida muda"... há pouco mais de três meses atrás, eu estava desesperada pelo mestrado, achando que era "o" caminho. Só que deu errado, não passei na seleção, e... hoje quase nem lembro dele. Muitas outras coisas povoam meus pensamentos, já existem outras prioridades, outros sonhos, outras possibilidades... e é gostoso perceber que estou melhor, muito melhor.

Claro que nem tudo são flores. Toda mudança exige coragem, e exige também um tempo de adaptação. Lembro que quando pintei o cabelo de preto tomava um susto a cada vez que passava rapidamente pelo espelho e via "outra" na minha frente. Isso durou uns poucos dias, e logo eu já me sentia a própria Branca de Neve, nascida com os cabelos negros como a asa da graúna.

[Eu só queria saber por que quando as mudanças são na vida dos outros as pessoas se acham no direito de dar pitaco? Ou pior, de se doerem ou se enfezarem porque não gostaram do que viram? Na hora das suas próprias mudanças, das suas decisões, é muito gostoso se sentir dona do próprio nariz, e simplesmente comunicar ao mundo que as coisas são diferentes agora. Mas quando quem decide a virada é outra pessoa (na vida dela mesma)... aí a coisa muda.] = Questionamento puramente retórico.

Mas, independente da opinião alheia, mudo quando acho que devo, quero ou preciso. (No blog ou na vida.) Já disse aqui que não tenho um pingo de Complexo de Gabriela ("eu nasci assim, eu cresci assim, eu sou mesmo assim, vou ser sempre assim..."). E, para minha felicidade, o tempo de coisas novas na minha vida está apenas começando...

Um comentário:

.Intense. disse...

Não achei o Haloscan. Kd?

=D

Tou me sentindo culpada, ahuahauhauha...vai que era só eu que tava vendo tudo gigante? oO da próxima vc ignora meu coments e continua feliz com seu lay aeh, fica dando idéia pra mim não.

=x

eu fico feliz que seja tempo de mudanças, mudanças boas, que estão e vão te fazer feliz. tem algumas coisas que, a gente dá graças a deus de saber que vão mudar, que não vão durar pra sempre.

boa semana, Bel!
;*