22.3.09

Balanço do trimestre

Não posso dizer que minha vida está ruim. 2009 começou com jeito de que traria novidades, e não tem me decepcionado.

Começou com a chamada para trabalhar na UESC, fruto do REDA do ano passado. Um trabalho essencialmente administrativo, que parecia me trazer somente angústia e preocupação. Mas aí passei na seleção do mestrado e vivi o drama de ter que escolher se deixava o trabalho para me dedicar aos estudos ou se encarava a batalha de estudar e trabalhar 8h por dia. Escolhi a segunda opção. Por conta da necessidade de horário, precisava de uma transferência de setor. Parecia [burocraticamente] imposível. Mas aconteceu. Secretaria de Colegiado. Posição até importante, mas muito mais leve em termos de trabalho do que a carteira anterior. E o ambiente de trabalho continua bom, poderia até dizer melhor.

Filhote fez vestibular numa particular em Aracaju, passou mas ão levou. Fez outro na pública aqui… e em 30 vagas, ficou em 21º mas por causa das infames cotas que levaram 50% das vagas, não entrou. Chamaram até o 20º. Poderia parecer ruim, mas eu ainda creio que Deus tem o melhor, e ele vai aproveitar para fazer a cirurgia da coluna, a parte que eu não gostei é que é longe de mim, mas tudo bem, tem que ser o melhor pra ele.

Aliança no dedo, expectativas de mudar de mão em breve.

008

Várias portas estão entreabertas, anunciando mudanças, mostrando novas luzes e cores. Se vão se abrir completamente ainda é uma incógnita, mas eu espero. Ah, espero. E olha que o trimestre nem acabou ainda…

Nenhum comentário: