21.5.09

Santiago do Piripiri

Eu sei, estou devendo milhões de posts. Mas vou começar a pagar pelo mais antigo.

Namorado faz parte da Associação Bahiana dos Amigos de Santiago, que além de reunir quem já fez o Caminho de Santiago, estimula outras caminhadas por aqui mesmo. E uma dessas foi em Vitória da Conquista, o que eles chamaram de Caminho de Santiago do Piripiri. E lá fomos nós, eu cheia de medos, mas contando com a certeza de um carro de apoio, e mais do que isso, a alegria de participar de uma atividade que Namorado gosta.

Santiago do Piripiri 460

Pois então, fomos de ônibus pra Conquista, esperando o frio do mundo todo. Chegamos na sexta no final da tarde, e fomos direto pra casa de tia Jú, curtir o aconchego da família e as delícias culinárias da terra do frio.

Santiago do Piripiri 014

Cansados da viagem (6h para fazer 280Km), caímos na cama antes das 9 da noite. E quando acordamos, olha o cenário encontrado pela janela:

Santiago do Piripiri - Olympus 055

O dia foi de city tour, e eu deveria ter ouvido tio Aécio que disse: “neve na baixa, sol que racha”. O sol abriu dicumforça queimando a cara da gente, dois branquelos que acharam que não precisava passar protetor solar:

Santiago do Piripiri - Sony 001

O final de semana foi intenso, e é impossível relatar com detalhes tudo que aconteceu. Mas se uma imagem vale mais que mil palavras, que tal um álbum com maisdenãoseiquantas imagens???

Só pra vocês terem idéia:

* Passeio na cidade, com direito a fábrica de biscoitos, se perder do grupo na Feira, cansar de andar e descansar na praça

* À noite, encontrar Rê e o namorado no Centro de Cultura, botar um pouquinho do papo em dia e matar um tiquinho da saudade imensa…

Santiago do Piripiri - Sony 167

* Palestra e Exposição de Fotos do Caminho

* E a caminhada em si.

Sugiro que vocês dêem uma olhadinha com calma no álbum onde registrei uma parte do projeto fotográfico “Caminho de Santiago do Piripiri” (são, no momento, 360 fotos, e crescendo). Dá pra sentir que delícia que foi.

Algumas fotos não estão lá, mas estarão na exposição que pretendo fazer quando a peregrinação for aqui em Ilhéus, provavelmente em outubro deste ano, ainda.

Os Peregrinos me receberam com muito carinho, me senti acolhida, mesmo sem ter feito o Caminho, sem nem gostar... quero dizer… sabem que descobri o prazer de caminhar? E até bateu de leve a vontade de fazer os últimos 100 (ui!) quilômetros, pra ter o direito de receber a Compostelana, porque a Piripirilana eu já recebi. (Cadê a foto???!!!)

Santiago do Piripiri - Olympus 282

Obrigada, Amor, pela experiência tão rica e tão gostosa!

UPDATE: Mais dois álbuns: O de Josué Novato e o de Fernando Correa.

Nenhum comentário: