18.8.09

Pra repartir

Eu sou realmente do contra, quando se trata de seguir a corrente dos best sellers. Se eu li um best seller foi logo que ele foi lançado – e obviamente antes de se tornar um – ou muito tempo depois que ele saiu da lista dos mais vendidos. Basta todo mundo indidcar, todo mundo dizer que leu, pra que eu não deseje. E dependendo de quem indicar, é aí que não leio mesmo.

E assim foi com A Cabana, livro que me foi indicado por 1488 pessoas diferentes, e que não me despertou qualquer desejo de ler. Até que numa ida ao xops com Karol e Felipe, enquanto procurávamos Por que você não quer mais ir à igreja?, nas Americanas, resolvemos comprar em conjunto, isto é, dividimos o custo e nos revezamos na leitura. Karol começou pelA Cabana e eu pela falta de vontade de ir à igreja e depois trocamos. Felipe está estudando pra concurso e ainda não leu nenhum.. (Download do e-book aqui) 

Os dois livros são de fácil leitura e daqueles que a gente lê de uma vez. Ainda não terminei A Cabana, mas estou gostando mais do que o primeiro, embora os dois tenham me feito pensar muito no meu relacionamento com Deus. Como estou lendo muito sobre representações sociais e imagens, esse livro veio bem na hora, ao tratar da imagem de Deus, de Jesus e do Espírito Santo.

Não vou entrar em detalhes, só queria dizer que está me fazendo muito bem. E eu queria repartir com vocês. ;)

Nenhum comentário: