5.11.09

Vi por aí #10

Não dava pra deixar passar, nem ao menos pra esperar. Dessa vez, são blogs recém-descobertos, que valem a visita – e o link.

O último a "aparecer" na minha vida  é o primeiro a ser citado aqui. "Licença, estou maquinando coisas…", de Liz. Liz é uma flor, filha da minha irmã-amiga Nan, que eu só conheci pessoalmente há algumas semanas, mas que veio me mostrar que amor se transfere, sim, via gene. Sabe aquela coisinha doce e ao mesmo tempo forte? Pequena, com cara de frágil, mas que quando chega já diz a que veio, e mostra logo que é teimosa e firme. É ela. E a danada escreve bem… [isso também deve ser genético]. Sugiro a leitura específica do Plágio Descarado e Original de Cazuza, que me deixou com lágrimas no coração, ao ver que, além de referenciar as músicas, ela as transformou para se mostrar exatamente como é. AMEI.

Bem diferente, mas nem por isso menos interessante, é o blog da Fernanda, Mulher 25 procura. Como ela mesmo diz, no perfil, "em busca de não sei exatamente o quê." Mas em busca de boas risadas, daquelas que você dá quando ningupem está olhando, ou que fazem a colega de trabalho achar que você está doida… é só ler via google reader uma sequência de posts da Fernanda.  Vale, sim, procurar, e encontrar. ;)

Pra quem gosta de receitas culinárias bem explicadinhas, o Cozinha Cani é um achado. Cani é dizáine, que nem Line, mas se acha chef. E pode se achar, viu? Mas o que me encantou no Cozinha Cani foram as fotos das comidas. Ela fotografa com uma Nikon, e consegue imagens belíssimas, que fogem do lugar-comum. E ainda é super bem humorada. Veja o post sobre Ambrosia, onde ela fala de The Sims. #EuRiMuito. [Sério, que um dia eu fui viciada em The Sims, alguém acredita???]

Tempo algum é um blog sério. Política, arte, literatura… de tudo um pouco, mas bem comedidamente. Como ele diz, "política neste blog, desde que não se perca a poesia, sempre necessária." Antônio Alves. Acreano [alguém que poderá provar que o Acre existe?!?!]. Poucos detalhes no perfil, mas só de olhar, já gostei. Destaco o post irônico com Bom Conselho (Chico cantando) e o não menos irônico, embora mais sério, Complexo de Lear.

"Ouça um bom conselho
Que eu lhe dou de graça:
Inútil dormir que a dor não passa.
Espere sentado
Ou você se cansa.
Está provado, quem espera nunca alcança.

Venha, meu amigo,
Deixe esse regaço,
Brinque com meu fogo
Venha se queimar…
Faça como eu digo,
Faça como eu faço:
Aja duas vezes antes de pensar.

Corro atrás do tempo,
Vim de não sei onde.
Devagar é que não se vai longe.
Eu semeio o vento
Na minha cidade:
Vou pra rua e bebo a tempestade…"

Pra terminar a listinha de indicados, o DDA – Diário do Amanhã, da Madame Min, que não tem nada de bruxa [no mau sentido, porque eu peso a opinião de quem diz que toda mulher é um pouco bruxa, no sentido de encantamentos, cuidados e poções mágicas]. Enfim, a Madame Min também é DDA, e eu me identifico com um monte de coisas que ela escreve, mesmo extra-distúrbio. Recomendo o post Não me fiz em lim pedaços, do qual grifo o final:

"Tenho implicância com pessoas-fruta. Não bastasse mulher-melão, mulher-morango e outras espécies frutíferas (como meu ex, o BananaMan), ainda tem essa história da metade da laranja. Se fosse para brincar de salada de fruta, certamente escolheria a maçã protagonista da história do Jardim do Éden ou da Branca de Neve. Nada de ser coadjuvante:). Eu não sou metade de porra nenhuma. Sou inteira, estando acompanhada ou não."

PS- Hoje, 5 de novembro, é

DIA DO DESIGNER!zizaine

Parabéns, filhota, que você seja mais do que realizada em sua profissão, e que os reconhecimentos (financeiros, emocionais e públicos) cheguem logo, e na medida certa. Um beijo carinhoso da toda besta, mamãe orgulhosa.

LineFoto antiga e repetida, mas é a que vale.

Nenhum comentário: