18.7.10

Um mês especial – Dia 18

Um poema.

 

Tão difícil escolher um poema… fazer poesia não é dos meus talentos, mas ela me toca, lá no fundo. Escolhi esta, de Mário Quintana, que me foi apresentada por Dinah:

 

E M E R G Ê N C I A

Quem faz um poema abre uma janela.
Respira, tu que estás numa cela abafada,
esse ar que entra por ela.
Por isso é que os poemas têm ritmo
- para que possas profundamente respirar.
Quem faz um poema salva um afogado.

 Aula Mestrado 11-08-09 109

 

Um comentário:

Kadija Teles disse...

essa banquinho é de sua casa? Deu vontade de sentar, de receber uma visita...Que lugarzinho legal!