18.11.12

Para entender o funcionamento de uma cabecinha DDA

8:45h Vou terminar de ler “Como ver um filme”, de Ana Maria Bahiana, começado há umas duas semanas, e empoeirando no braço do sofá. Vou pegar os óculos, que estão no quarto.

8:46h Levanto para pegar os óculos, vejo a gérbera na mesinha da sala, precisando de água. Interrompo a ida ao quarto, e vou à varanda, pegar o “regador”.

8:47h Vejo as rosas (lindas!) na varanda… Pego o iphone pra fotografá-las e, ‘tomaticamente, postar no Instagram [e compartilhar no FB e Twitter].

8:55h Depois de dar uma geral no feed do instagram, recebo aviso que pessoas comentaram as fotos no FB, vou ler/responder. Lembro de que quero ler o livro de Ana Maria Bahiana…

9h Levanto para pegar os óculos. Vejo a gérbera na mesinha…

[Sacou? A essa altura já pensei em escrever este post. Mas não antes de molhar a gérbera. Consegui!]

9:05h Abro o notebook, para escrever este post. Vejo que tem e-mail. Dou uma olhada, não é nada importante/interessante. Enquanto o editor de posts carrega, passo os olhos no Google +, que finalmente estou aceitando depois da morte do Google Reader.

9:15h Lembro do post. Começo a escrever. É o momento presente. Vou publicar logo, e pegar o livro pra ler. Mas antes tenho que ir no quarto buscar os óculos…

That is it!

 

A gérbera “culpada”

Nenhum comentário: