Destemps

Bem no centro de Ilhéus, coladinho ao Bar Vesúvio – que foi celebrizado como o "bar do seu Nacib" no romance de Jorge Amado –  fica o Grão Amado Café. E nem acredito que eu passei por ali 1488 vezes e não me dei conta de que seria uma boa opção para o final de dia estressado num encontro com os amigos ou mesmo uma saidinha com Marido.





  • Chico's: Caldos e muito mais 

    E não é que invernou no Nordeste? Noites frias, assim, entre 18ºC e 20ºC... Em uma cidade de praia, que ainda tem um ventinho vindo do mar, nada como um caldinho pra aquecer o corpo e o coração, né? A escolha da vez foi  Chico's Caldos, na Passarela do Álcool, no Pontal.

Eu não o conheci pessoalmente, mas muitas vezes o vi passar pelo Centro Histórico de Ilhéus, onde funcionava o cartório onde ele era o tabelião. Sá Barretto era uma figura imponente, que chamava à atenção, e que sempre tinha lugar no noticiário da Capitania de São Jorge dos Ilhéus. Faleceu em 2003, às vésperas de completar 80 anos.



Nasci e cresci em cidade de praia, e levei décadas (literalmente) para aceitar que poderia comer caranguejo, ou guaiamum, em outro lugar que não uma cabana de praia ou em casa. Mas, há algum tempo esse dia chegou, e hoje não tenho problema algum em destruir os crustáceos num restaurante. A Cia do Caranguejo fica na Av. Soares Lopes, ou simplesmente na “Avenida”, como carinhosamente é resumido o nome da nossa beira mar, no centro de Ilhéus.


Voltando de viagem, de Salvador para Ilhéus, dirigindo sozinha... é preciso parar para fazer refeições decentes, concordam? Então fui enrolando, deixando passar a "hora do almoço", pra conseguir chegar até à Natureza Viva, que fica no Km 330 da BR 101, logo depois de Gandu.


Não, não é um conto de Jorge Amado. É a realidade mesmo, e o Coronel Juca não é Badaró, é Pinto, o patriarca da família que gerencia o estabelecimento.

A designação "cabana" aqui no sul da Bahia não quer dizer necessariamente uma cabana, com palha no teto e colunas de pau-a-pique. O caso é que a Cabana da Empada tem a parte da empada e a parte do restaurante, com horários de funcionamento, cardápio e atendimentos diferentes.

A Cabana Ariramba fica na Praia da Concha, a primeira das praias do centro da cidade. Como é típico das cabanas de praia aqui da Costa do Cacau, algumas mesas ficam numa área coberta e outras mais perto da praia, com guarda-sol.

Era um dia de domingo e o almoço já estava programado para o Morro dos Navegantes, que fica, como o nome sugere, no alto de um morro, na estrada Ilhéus-Olivença, logo depois da série de cabanas de praia, e logo antes do Cururupe (Km 7).

Calma, pessoas, não pensem que o Destemps virou baixaria só porque uma baiana de Ilhéus começou a escrever por aqui! É “na intimidade” porque é o Bataclan de todo dia, isto é, o restaurante que abre de segunda a sábado (não me perguntem por que não abre aos domingos, isso são coisas da Capitania de São Jorge dos Ilhéus...) para almoço e jantar à la carte e também com buffet de comida a quilo no almoço.

Quando se mora em cidade de praia, é difícil pensar em comida que não seja frutos do mar. Mas garanto a vocês que não vou falar de frutos do mar… mas de frutos do rio, ou de “água doce”. Frutos do Cachoeira, que passa por várias cidades antes de vir desaguar em Ilhéus.

Nenhum comentário: